Urbana-PE se posiciona sobre paralisação dos rodoviários

A Urbana-PE lamenta que a população e a economia local sejam novamente penalizadas por uma paralisação promovida pelos rodoviários e repudia o movimento, realizado sem nenhum fundamento legal e sem qualquer comunicação prévia às empresas e à sociedade. 

A decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST) se deu dentro das regras legais e do uso democrático do processo, tendo respondido à solicitação, legal e legítima, de revisão dos percentuais de aumento concedidos este ano pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT-6) por ocasião do julgamento do dissídio, face à total incapacidade do setor econômico de cumprir o que foi determinado.

Informações com a Assessoria de Comunicação

Anúncios