Apenas 20% estão satisfeitos com carreira oferecida pelo empregador

Segundo pesquisa realizada pela comunidade de avaliação de companhias Love Mondays, quatro em cada cinco profissionais não estão satisfeitos com as oportunidades de carreira que a empresa na qual trabalha oferece.

O grau de satisfação dos participantes foi avaliado em uma escala de 1 a 5, em que 1 representa um profissional muito insatisfeito e 5 significa um funcionário muito satisfeito. Apenas 20% consideraram-se satisfeitos ou muito satisfeitos com as oportunidades de carreira, enquanto 55% afirmaram ter uma postura neutra em relação a isso. Os 25% restantes afirmaram estarem insatisfeitos ou muito insatisfeitos.

Realizado em abril, o levantamento considera 5195 opiniões de usuários do site, que são membros de cem empresas. No Love Mondays, profissionais podem avaliar a empresa em que trabalham e informar seu salário para compará-lo com outras instituições. Em nota, Luciana Caletti, diretora-executiva da Love Mondays, diz: “Oferecer oportunidades de progressão na carreira é um aspecto fundamental na retenção dos melhores talentos. Ainda, o funcionário que vê possibilidades reais de crescimento dentro da empresa tende a ser mais comprometido e motivado, sabendo que os seus esforços serão reconhecidos com a promoção tão desejada.”

Entre os que se declararam satisfeitos na pesquisa, os cargos mais comuns são consultor independente, consultor de beleza, gerente, diretor, treinador, consultor sênior e gerente, trainee e supervisor e menor aprendiz. Já os cargos com maior número de insatisfeitos com as oportunidades de carreira oferecidas por sua empresa são carteiro, agente dos Correios, auxiliar de serviços gerais, técnico de informática, faturista, ajudante de produção, técnico administrativo, auxiliar de escritório, técnico em enfermagem e auxiliar de expedição.

“Os profissionais que optaram por uma carreira solo ou que ocupam cargos mais estratégicos mostraram que estão mais felizes com o plano de carreira. Da base, apenas trainees e menor aprendiz apontam satisfação”, comenta a diretora do Love Mondays. Em relação aos setores de atuação, a satisfação é mais presente nos segmentos de consultoria, química, metalurgia e mineração, tecnologia da informação e telecomunicações, construção e engenharia, serviços financeiros, farmacêutica e saúde, bens de consumo, transportes e logística e agropecuária.

Já as área de governo e terceiro setor, manufatura industrial, varejo, têxtil, eletrônico, energia, serviços a empresas e ao consumidor, turismo e lazer e educação são as que concentram mais insatisfeitos.

Fonte: JcOnline

Anúncios