Em um mês de atuação, Operação Inverno realiza mais de 14 mil vistorias em imóveis situados em áreas de risco

A Secretaria Executiva de Defesa Civil (Sedec) já realizou 14.496 vistorias técnicas para monitorar a situação dos imóveis situados nas áreas de risco da cidade, dentro do primeiro mês da Operação Inverno 2015. Para reduzir o impacto da chuva e, assim, evitar ocorrências, 3.111 pontos de risco já foram cobertos com lonas plásticas. Além disso, a Sedec realizou 95 palestras educativas em escolas municipais e 7.355 residências foram visitadas com o objetivo de conscientizar a população sobre as práticas seguras que devem ser adotadas de modo a evitar acidentes durante o período chuvoso. Todo esse trabalho preventivo vem sendo realizado desde o começo do ano e tem sido intensificado desde que a Operação Inverno 2015 foi deflagrada em meados de março.

Aos sábados, 16 mutirões reunindo diversos serviços já foram realizados em diferentes localidades de risco da cidade como Lagoa Encantada, Nova Descoberta, Linha do Tiro, Macaxeira, Jordão, Bomba do Hemetério, Barro, entre outros. A realização desses mutirões durante a manhã dos sábados é uma parte importante do trabalho de prevenção para o período chuvoso, que soma-se às atividades diárias de monitoramento das equipes técnicas. Com esse trabalho, a Sedec busca ampliar a percepção de riscos nas comunidades e minimizar as vulnerabilidades dessas áreas.

Até o final do ano, a Sedec irá realizar 40.600 vistorias técnicas e cobrir 11.400 pontos de risco com lonas plásticas. As equipes também vão promover 200 palestras educativas e visitar 9 mil residências ao longo desse período. A aplicação da geomanta impermeabilizante está em execução em pontos de risco nas localidades do Alto do Maracanã, Jordão Baixo, Vila dos Milagres e Córrego Leôncio Rodrigues. Além disso, 20 obras do programa Parceria nos Morros devem ser concluídas até o final de abril.

Anúncios